quinta-feira, 17 de julho de 2008

Baú de canções



Na reunião de criação da direção de arte de Labiata, com a equipe da Tecnopop, Lenine conta um pouco sobre o processo de criação deste disco:

“Cada canção era feita na noite anterior de sua gravação. Fazia um borrão, que chamava de monstro, um monstro de violão e voz. Chegava aqui no estúdio à tardinha, montava a forma dela e esquecia. Depois quando tinha um universo de 14, 15 canções, parei para ouvir e disse ‘ok’! Vamos começar a pré-produzir.

Toda vez que começava a fazer um disco, já tinha 50% dele já produzido, porque eu já vinha compondo e tinha meu baú de canções. Dessa vez eu não recorri a ele.”

Para ver mais um trecho dessa conversa assista ao vídeo!

5 comentários:

Orquídea disse...

Completaria a frase do vídeo da seguinte forma ...O frescor e o perfume das labiatas.

D. disse...

Ai.. não vejo a hora desse cd ficar pronto...

lederson nascimento disse...

Estou aguardando ansiosamente o novo disco... tenho a discografia completa... gostaria de saber se há alguma possibilidade de relançar o Baque Solto?

Necarioca disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
necarioca disse...

To louco mesmo pelo cd mesmo!!!